Nova Sony A 7R III combina alta resolução e velocidade de disparo

A Sony acaba de anunciar uma atualização em sua linha de câmeras tipo Mirrorless com sensor Fullframe.

Sony A 7R III, segundo a empresa, é uma câmera de alta resolução com sensor de 42,4 Megapixels, capacidade de até 10 Fps (quadros por segundo) de disparo contínuo, desempenho de Foco Automático rápido e preciso e em um corpo leve e compacto.

 

 

As principais novidades da nova câmera são as seguintes:

  • Sensor: 42.4 Megapixels do tipo CMOS BSI (Back Iluminated Exmor) de tamanho Fullframe (35mm)
  • Velocidade do obturador: Disparo contínuo em até 10 quadros por segundo (FPS) tanto com Modo Silencioso ou Obturador Mecânico, e mesmo com Foco Automático completo e Rastreamento de Exposição automática.
  • Auto Foco: Detecção de Fase com 3 pontos cobrindo 68% da área de imagem do sensor, Auto Foco com 425 pontos de contraste, sendo aproximadamente 2 vezes mais eficaz que seu antecessor.
  • Sensibilidade: Alcance ISO de 100 a 32000 (expansível para ISO 50 a 102400 em imagens estáticas) com alcance dinâmico de 15 “stops”, em configurações de baixa sensibilidade.
  • Estabilização de imagem: estabilização de 5 eixos embutida no corpo da câmera, com 5,5 pontos (stops) de recuperação de vibração.
  • Vídeo: gravação em 4K com leitura de pixel completa e sem “pixel binning”.
  • Público alvo: Completamente redesenhado para profissionais, incluindo sistema de foco automático aprimorado, slots para cartão SD duplos, vida útil prolongada da bateria, conexão USB tipo SuperSpeed (USB 3.1 Gen 1), Terminal USB Type-C.
  • Peso: Corpo compacto e leve em apenas 625 gramas.



Segundo a Sony, a nova A 7R III não tem filtro “low-pass” óptico, maximizando assim a resolução, ao mesmo tempo que tem a capacidade de gravar arquivos RAW de 14 bits, mesmo em modo silencioso ou contínuo.

 

Sony a7R III com sensor Fullframe a mostra

 

A câmera está equipada com um inovador sistema de estabilização de imagem óptica de 5 eixos que foi ajustado para suportar a nova capacidade de disparo de alta resolução, resultando em recuperação 5,5 “stops”.



Segundo a empresa esse é o melhor desempenho de compensação de vibração do mundo para um sistema de estabilização de imagem. Há também um novo obturador de baixa vibração que reduz os tremores e o borrões na imagem em todos os modos de fotografia, incluindo o disparo de alta velocidade de 10 fps, bem como vários avanços na reproduções de cores precisas de tons de pele.

Uma das grandes novidades na nova Sony A 7R III é o novo modo “Pixel Shift Multi Shooting”, que aproveita ao máximo a nova estabilização óptica embutida no corpo câmera para criar imagens compostas em super-alta resolução, como em algumas câmeras da Olympus.

 

Exemplo de retrato criativo obtido com a Sony a7R III

 

Neste modo, a câmera move o sensor com precisão, em incrementos de 1 pixel, capturando quatro imagens diferentes e as unindo para criar uma imagem enorme, de aproximadamente 169,6 Megapixels.

Essas quatro imagens separadas podem ser também compostas e processadas utilizando o novo aplicativo “Imaging Edge”, lançado juntamente com a câmera.



O resultado é em uma imagem estática com resolução impressionante e um nível de precisão de cores muito alto. Segundo a Sony a nova função seria ideal para a fotografia de arquitetura, obras de arte ou qualquer outro assunto fotográfico que exija uma reprodução muito detalhada.

 

Exemplo de fotografia de arquitetura obtido com o novo sistema de super-alta resolução

 

Eu, particularmente, quero ver o resultado desse novo sistema. Por enquanto não achei nenhuma imagem de exemplo para analisar.

Bom, a nova Sony a7R III estará disponível para venda no mercado internacional em novembro e custará cerca de $3.200 dólares só o corpo da câmera.

Aqui no Brasil provavelmente a câmera também estará disponível em breve, pois além de existirem distribuidores oficiais e assistência técnica para a marca, nossos produtores de vídeo tem migrado para essa plataforma Mirrorless da Sony.



Claro que o preço por aqui vai ser aquela loucura, mas parece que a leveza, resolução e sensibilidade das câmeras da linha A7 da Sony começam a abalar a hegemonia das câmeras da Canon no mercado de vídeo no Brasil. Vamos ver…

Veja aqui o vídeo promocional que a Sony postou em seu canal.

Se você quer entender melhor como funciona a função “Pixel Shift Multi Shooting” veja também esse vídeo.