Fujifilm lança câmera híbrida tanto instantânea quanto digital

Você já pensou em usar uma câmera de filme instantâneo que também grava as imagens em arquivos digitais? A Fujifilm acaba de resolver o seu problema laçando uma câmera da linha Instax que fotografa digitalmente e imprime a imagem em um novo formato quadrado que lembra o filme Polaroid.

A nova câmera é chamada de Instax Square SQ10 e utiliza um sensor CMOS de 1/4″ de polegada para capturar imagens a cores em 3.6MP. Apresenta uma tela LCD de 3″ polegadas com 460 mil pontos que é utilizada tanto para a composição da fotografia quanto operação da câmera. A Nova Instax Square SQ10 produz impressões analógicas do mesmo tipo que outras câmeras da linha Instax mas oferece benefícios adicionais que só a captura de imagem digital proporciona tais como a adição de filtros na própria câmera ou salvar arquivos em cartões Micro SD. A câmera também apresenta controle automático de exposição, reconhecimento facial e foco automático.

 

 

Suas características principais são as seguintes:

  • Monitor LCD TFT de 3 “com resolução de 460 mil pontos-
  • Sensor de imagem CMOS de ¼ “com filtro de cor primária
  • Imagem digital com 1920×1920 pixels gravados
  • Bateria de Li-ion recarregável (NP-50) para até 160 imagens por carga
  • As imagens capturadas e editadas/processadas podem ser salvas na memória interna (até cerca de 50 imagens) ou no slot de cartão microSD\microSDHC
  • Lente fixa de 28,5 mm (equivalente a 35m)
  • Abertura F2.4
  • recarga interna da bateria por Micro USB
  • Gravação de arquivo de imagem em JPEG
  • Impressão a partir da memória interna da câmera ou do cartão micro SD\micro SDHC
  • Rosca para tripé
  • Filme no novo formato INSTAX SQUARE (colorido) vendido com 10 folhas por pacote
  • Tela LCD de 62mm × 62mm
  • Filme com dimensões de 86mm × 72mm

As imagens obtidas pela SQ10 são impressas em formato 1:1 nas dimensões de 86 x 72 mm do novo filme Instax Square. O preço de venda do novo filme instantâneo será de US $17,00 dólares no mercado internacional pelo pacote com 10 folhas. A câmera será vendida por cerca de $ 280.00 dólares e estará no mercado junto com o filme em maio deste ano.

 

 

Um detalhe interessante que não me passou despercebido é a relativamente baixa resolução do sensor da câmera (3.6 Megapixels). Lembrei imediatamente de uma discussão antiga onde Ken Hockwell, o avô dos blogueiros sobre fotografia, dizia que ninguém precisava realmente de imagens maiores do que 6 Megapixels, caso da DSLR Nikon D70. Isso parece ser verdade se você só imprimir imagens no tamanho máximo de 20 x 30 centimetros mas no caso da Fujifilm isso faz sentido pois as imagens tem um tamanho de impressão fixo bem menor portanto o sensor de 3.6 Megapixels deve ter qualidade mais do que suficiente para permitir impressões de qualidade no filme Instax Square.

A linha Instax é o grande sucesso da Fujifilm e como já declarei em artigos anteriores são encontradas mesmo no mercado brasileiro. É provável portanto que em breve seja possível comprar o novo equipamento por aqui mesmo mas não acredito que ele seja posto a venda por um preço equivalente em dólares (cerca de R$900,00) pois os impostos e o Custo Brasil vão elevar em muito o preço da câmera e talvez inviabilizar sua venda, não sei…

Vamos esperar para ver e enquanto isso veja o vídeo promocional que a Fujifilm produziu para este lançamento.