O fim das câmeras para amadores!

Em 2013 eu já tinha falado aqui do fim das câmeras compactas, aquelas maquininhas pequenas que a gente levava em viagens ou festas, no tempo em que as câmaras dos celulares eram sofríveis (principalmente à noite).

Agora em 2016 Tony Northrup, conhecido comentarista do mercado fotográfico, postou um video muito interessante no seu canal do YouTube contando a trajetória descendente do consumo de câmeras pelas pessoas comuns e a diminuição do mercado fotográfico como um todo no mundo.

Na realidade esse fenômeno não tem tanto a ver com alguma crise econômica mundial mas sim com um processo parecido com o que aconteceu com as máquinas de escrever quando foram substituídas pelo computador pessoal. Agora o vilão seria o fenômeno dos smartphones com câmera e os aplicativos do tipo Instagram e Snapchat.

Quem tem mais idade se lembra de fabricantes de máquinas de escrever como Olivetti e Remington que simplesmente desapareceram. E as escolas de datilografia então…?

Será esse o destino da Canon e da Nikon?

Tony Northrup explica a situação com números, é cheio de exemplos e apesar de parecer um pouco chato e longo faz um verdadeiro panorama do momento histórico pelo qual estamos passando.

Recomendo o meu texto de 2013 aqui no blog e o video para quem se interessa por esse tipo de mudança na forma como atualmente registramos nossas vidas.

 

 

Obs.:Como sempre indicamos o video está em inglês mas você pode ativar as legendas automáticas em Português, elas podem ser de muita ajuda para quem não domina essa língua. Note porém que alguns termos técnicos não são bem traduzidos.